terça-feira, junho 18, 2013

Personalidades: Oslino Heiderscheidt


Por Mariana Heiderscheidt

Data de nascimento: 23 de novembro de 1930
Data de falecimento: 24 de julho 2005

Oslino, mais conhecido como Ossilino, nasceu no dia 23 de novembro de 1930 no município de Angelina, localidade de Rancho de Táboas. Era filho dos agricultores Roberto Heiderscheidt e Amália Franz Heiderscheidt, teve dois irmãos biológicos, Celso e uma irmã falecida ainda pequena, além deles o casal adotou duas meninas: Doni e Rita.
Ainda na década de trinta, Roberto adquiriu terras em Rio Caeté, então Barracão. A família mudou-se trazendo seus pertences em sua carroça, Oslino e Celso, ainda crianças na época, vieram acomodados dentro de cestos grandes colocados um de cada lado do cavalo puxado por sua mãe Amália.
Moraram por muitos anos no Caeté trabalhando como agricultores e, posteriormente, como comerciantes, tendo sua venda localizada próxima a igreja de Santa Rosa. Dona Amália era costureira de mão cheia. Oslino casou com Florentina Marioti Heiderscheidt  no início do ano de 1951 e tiveram 9 filhos, sendo que o primeiro nasceu no mês de outubro do mesmo ano, são eles: Deni, Paulo, Nelci, Zoraide (in memorian), Valdenir, Elio, Alcides, José Roberto e Zilma. No início da vida de casados, moraram na propriedade dos pais de Oslino, assim como seu irmão Celso e sua esposa Olinda, irmã de Florentina. Eles  trabalhavam na venda de Roberto, onde negociavam produtos necessários para o dia-a-dia dos agricultores vizinhos. Também auxiliavam na roça. Após alguns anos, Oslino e Flora moraram no Morro da Bracatinga, nas terras dos pais de Florentina, local onde tiveram e criaram a maioria de seus filhos.
Com o passar do tempo, Oslino adquiriu terras em Águas Frias, local muito movimentado na época, pois a Estrada Geral que fazia ligação entre Lages e Florianópolis cortava o bairro. Por aqui, Oslino e seus filhos, iniciaram o trabalho com madeiras. A princípio fabricavam móveis e esquadrarias, com o passar do tempo começaram a fabricar caixões sob medida. Ensinou o ofício de marceneiro minuciosamente a todos os filhos homens. Por volta do ano de 1973, a família sofreu com um incêndio na fábrica, os obrigando a reconstruir em outra parte do terreno, sendo uma época muito difícil. Seus dois filhos homens mais velhos, mudaram de cidade após se casarem e continuaram neste ramo. Os 4 filhos homens que continuaram em Alfredo Wagner, juntamente com Oslino, iniciaram a fabricação de carrocerias de madeira ainda no bairro Águas Frias, ofício que exercem até os dias de hoje, na empresa chamada Carrocerias Barracão, que tem clientela espalhada por toda Santa Catarina.
Oslino sempre participativo politicamente, filiado ao PMDB, foi vereador por dois mandatos, em 1977 e 1983. Mesmo quando não era candidato, trabalhava em prol do seu partido. No último ano de sua vida, se engajou para eleger seu candidato, ficou extremamente feliz com a vitória e participou do ato da posse.
Tinha como passatempo os hábitos de caçar e pescar desde sua juventude. Era muito cuidadoso com seu quintal repleto de verduras, frutas, temperos, chás e flores. Nos últimos 10 anos de sua vida, Oslino dedicava seu tempo livre para pescar nos rios da cidade para agradar Fível, um gato de estimação que era seu companheiro quando estava em casa. Fível, hoje com 18 anos, ainda deita na cadeira de seu dono após quase 8 anos da sua morte.
O empresário e autônomo Oslino Heiderscheidt tinha problemas cardíacos desde a década de 90. Em 2005, Oslino apresentou um quadro de Enfisema Pulmonar, permanecendo durante parte do mês de junho e julho hospitalizado. No dia 19 de julho de 2005, Oslino recebeu alta, mas permaneceu na casa de um de seus filhos por orientação médica, casa esta que fica próxima ao Hospital Regional de São José. Na madrugada de 24 de julho de 2005, precisamente as 5h30min, Alfredo Wagner perdeu um dos seus empresários pioneiros: um infarto fulminante cessou a vida deste homem que apostou em seu ofício e através dele constituiu seu patrimônio, dando um futuro a seus filhos.

Informações transmitidas por:
Florentina Marioti Heiderscheidt
Valdenir João Heiderscheidt

Zilma Heiderscheidt

Nenhum comentário:

Postar um comentário