terça-feira, outubro 04, 2016

Potencial para o turismo da Terceira idade

Alfredo Wagner já há alguns anos atrai centenas de turistas da chamada Melhor Idade. Eles vem em busca de nossas belezas naturais, das animadas tardes dançantes ou dos roteiros promovidos pela família Schuller - que possui outros empreendimentos turísticos na cidade - e que desenvolveu um roteiro todo especial para recebe-los.
Vamos conferir?
O relato foi escrito por Vanessa Laura Franz, que é uma das guias que acompanha esses grupos nas excursões pela nossa bela Alfredo Wagner.




Relato Melhor idade

Logo pela manhã, às 9:00h o grupo de presidente Getúlio chegou no restaurante Salto das Águas, com a recepção da guia de turismo à caráter, com roupa alemã, mantendo as raízes dos primeiros moradores de Alfredo Wagner.

DSC08801.JPG

Um delicioso café colonial foi servido a elas, com muito carinho feito especialmente pela Dona Maria.


Nesse momento a guia se apresentou, dando uma prévia de como seria o roteiro, os lugares visitados e também abordou sobre os produtos coloniais feitos na região e vendidos no próprio restaurante.
Como previamente estabelecido a saída aconteceu às 9:30h.
Todas no ônibus para conhecer um pedacinho da nossa capital das nascentes.
Dentro do ônibus a guia interagiu com o grupo,mostrando pontos interessantes, falando um pouco da história de nossa cidade, informações curiosas e contando umas piadinhas para quebrar o gelo.
Indo em direção a BR282, sentido Bom Retiro, subimos o morro que dá acesso a localidade de Lomba Alta, a nossa primeira parada foi o Museu de Arqueologia, criado em 2002 sendo uma bela réplica da casa de seu Alfredo Henrique Wagner - patrono de nossa cidade -, onde sempre reunimos o grupo para tirar uma das melhores fotos!
Lá dentro observamos alguns moveis e objetos antigos, pertences do senhor Alfredo Wagner e um arquivo histórico de fotos.
Ao lado também temos  outro museu, criado em 2002, ele foi criado para comportar o acervo, pois o antigo museu - a réplica da casa - se tornou pequeno.  Lá encontramos a riqueza arqueológica, paleontológica, geológica e ecológica de nosso município.
No mesmo museu encontramos um mural cheio de moedas de todo o mundo, colecionadas pelo idealizador da Fundação Alfredo Henrique Wagner - responsável pelo museus -, o senhor Altair Wagner.



Depois de assinar o livro de presença, muito ver e aprender, saímos em direção a trilha do Poço certo, criada pela família Altohff e Franz, onde uma capela da  nossa senhora de Lourdes, foi construída pela os moradores da redondeza.
O local antigamente serviu de abrigo aos indígenas. Lugar de extrema beleza natural. Entramos em uma trilha bem limpa, com corrimão, uma descida tranquila de 600 metros para chegarmos até a gruta, que possui beleza estonteante, com uma linda queda d’água com 41 metros de altura.  Depois de uma oração de agradecimento pelo dia maravilhoso, muitas fotos e contato com a natureza, bebemos a água pura de uma das inúmeras nascentes da região e seguimos novamente, subindo pela trilha e voltando para continuar o passeio.  



No retorno para a centro entramos pelo portal da cidade, em direção a casa de Artesanato do conhecido ‘’Coquinho’’. Seu Evalildio Kreusche tem uma história muito bonita de vida. Ele recebe os turistas em sua casa, e expõe seus artesanatos em madeira, sua mulher recebe os turistas com produtos coloniais, degustação de licores e tudo tudo isso acontece ao som do gaiteiro coquinho, que toca e conta sua história.






Logo após voltamos pro restaurante do Parque Aquático Salto das Águas, hora boa pra se deliciar com as comidas caseiras do fogão a lenha da Dona Maria. Algumas de nossas especialidades são: filé na chapa, bolinho de peixe, aipim com galinha e filé de tilápia.
Depois do almoço, momento livre para descansar e ver o espetáculo das carpas.
Na parte da tarde aproveitamos para conhecer o parque aquático, e suas novidades para próxima temporada. No salão que fica dentro do parque aquático, acontece o baile com a Banda Reumatismo, eles, sempre muito animados,cantam dançam e tiram gargalhadas de todas, com suas apresentações. Esse é um momento de muita descontração, alegria e arrasta pé.


Terminando o baile, com chave de ouro, tiramos a foto final do grupo com todos fantasiados e voltamos ao restaurante para outro café colonial, muito merecido, depois de muito pular  e dançar. Nesse momento passamos de mesa em mesa oferecendo um CD com todas as fotos (tirada pela guia de turismo) tiradas durantes o dia, no valor de 10 reais.
Encomendas de pães  e queijos frescos também são entregues para levarem um gostinho da nossa cidade para a casa dos visitantes.



Venha também aproveitar um dia maravilhoso, como fez este grupo e tantos outros que também voltam pra ter novas experiências juntamente a uma empresa que se preocupa com seu bem estar e sua felicidade!!!  Nossa família está de braços abertos esperando seu grupo para passar um dia realmente especial na nossa linda Alfredo Wagner, cidadezinha do interior que vive da agricultura. Lugar com uma ótima qualidade de vida em meio ao verde da natureza, as nascentes, a cultura e gastronomia alemã e italiana e tem o turismo de braços abertos para te receber

Nenhum comentário:

Postar um comentário